Essência da Fé

 

Mensagem ministrada em 2 de Setembro de 2005


TEXTO BASE: (Mateus 6.31-34) “Portanto, não vos inquieteis, dizendo: Que come-remos? Que beberemos? Ou: Com que nos vestiremos? Porque os gentios é que procuram todas estas coisas; pois vosso Pai celeste sabe que necessitais de todas elas; buscai, pois, em primeiro lugar, o seu reino e a sua justiça, e todas estas coisas vos serão acrescentadas. Portanto, não vos inquieteis com o dia de amanhã, pois o amanhã trará os seus cuidados; basta ao dia o seu próprio mal”.

INTRODUÇÃO: O texto mostra que o homem nasceu para viver pela fé, ou melhor, os crentes nasceram para viverem pela fé, pois os que não vivem pela fé, são comparados aos gentios (v. 32).

1. DEVEMOS VIVER PELA FÉ: (Hebreus 10.37-39) “Porque, ainda dentro de pouco tempo, aquele que vem virá e não tardará; todavia, o meu justo viverá pela fé; e se retroceder, nele não se compraz a minha alma. Nós, porém, não somos dos que retrocedem para a perdição; somos, entretanto, da fé, para a conservação da alma”. Neste texto, a Palavra de Deus ensina que o justo viverá pela fé na esperança da Palavra de Deus, por mais que ela venha tardar em cumprir-se.

2. SOMOS JUSTIFICADOS PELA FÉ: Paulo ensina que seremos justificados por vivermos pela fé e não por estarmos debaixo da Lei: (Gálatas 3.11) “E é evidente que, pela lei, ninguém é justificado diante de Deus, porque o justo viverá pela fé”.

3. SEM FÉ É IMPOSSÍVEL AGRADAR A DEUS: Novamente em Hebreus, nos é dito que “sem fé é impossível agradar a Deus” (Hebreus 11.6) “De fato, sem fé é impossível agradar a Deus, porquanto é necessário que aquele que se aproxima de Deus creia que ele existe e que se torna galardoador dos que o buscam”.

4. FÉ UMA NECESSIDADE HUMANA: “Fé”, que palavrinha é essa, que tanto se enfatiza na Bíblia? Nós crentes de uma certa forma estamos familiarizados com o termo “fé”. Temos o conhecimento de que tudo o que foi lido é verdadeiro e aceitável, mas o que nós precisa-mos é ter a consciência de que a fé é “uma necessidade humana”! E todos nós nascemos com essa necessidade! Um exemplo bastante claro é o índio em seu estado natural, sem contato e conhecimento com a civilização, que não tem o conhecimento teológico, não tem o conhecimento de seitas e nem de conceitos religiosos, não tem o conhecimento de superstições urbanas como o horóscopo, o tarô e etc. E no entanto ele crê e adora: o “deus sol”, o “deus lua”, o “deus trovão”! Isto prova que, a fé, é uma necessidade humana, que o impulso que o ser humano sente por algo superior e sobrenatural, é latente em sua vida!

5. A FÉ PRECISA SER APERFEIÇOADA: O Dicionário Bíblico diz que, “a fé é uma atitude, e deve ser um impulso em nossa vida”. A fé por se encontrar nesses termos, ela também necessita ser aperfeiçoada como todo o impulso! Um exemplo: O nosso impulso alimentar. Se nós passarmos uma semana inteira almoçando e jantando um mesmo tipo de comida, o nosso organismo permanece funcionando normalmente, mas nós não nos sentiremos satisfeitos. Porque? Porque nós precisamos de coisas novas, precisamos que aquela alimentação venha ser aperfeiçoada. E a mesma coisa acontece com a nossa fé! Ela precisa ser aperfeiçoada! (Romanos 1.17) “Visto que a justiça de Deus se revela no evangelho, de fé em fé, como está escrito: O justo viverá por fé”.

CONCLUSÃO: Até aqui descobrimos que: 1) Devemos viver pela fé; 2) Somos justificados pela fé; 3) Sem fé é impossível agradar a Deus; 4) A fé é uma necessidade humana; 5) A fé é uma atitude e deve ser um impulso; A fé por ser um impulso precisa ser aperfeiçoada. Baseado nesses fatos, podemos ver, o quanto a fé é importante em nossa vida e principalmente quando esta fé é depositada em Deus e em seu Filho Jesus!
A fé em Deus e em Jesus Cristo para se obter sua essência, é necessário conhecer algumas distinções ou diretrizes da fé. É como se a fé ficasse oscilando como um átomo em torno destas diretrizes! Estas diretrizes da fé são: o conhecimento; a crença e a confiança!
Temos que ter o “conhecimento” do que Deus e Jesus fizeram e podem fazer em favor de seu povo e do homem em geral! Temos que “crer” que o que Eles fizeram realmente aconteceu! E acima de tudo temos que “confiar” no que Deus através de Jesus Cristo, pode fazer nos dias de hoje, na minha, na sua e na nossa vida!

a) O CONHECIMENTO: Precisamos conhece o que Deus quer fazer em nossa vida, ou através de nossa vida. Sem esse conhecimento a nossa fé é loucura e desordem.

b) A CRENÇA: Depois de adquirido a direção de Deus, temos que crer, que isso é possível acontecer.

c) O CONFIAR: Só crer não suficiente, é preciso confiar. Aliás esta é a essência da fé: confiar. (Hebreus 11.1) “Ora, a fé é a certeza de coisas que se esperam, a convicção de fatos que se não vêem”. A fé é uma “certeza antecipada” do que se espera, é a demonstração das realidades que não se vêem! A fé é a “certeza” de que vamos receber as coisas às quais ob-tivemos conhecimento, e que esperamos, é a prova de que existem coisas que não vemos!A essência da fé está em “confiar nas promessas feitas por Deus”, é trazer à realidade coisas que não vemos como prova desta fé! Não é sair “determinando” isso ou aquilo como sendo já nosso, mas sim vivermos na experiência de que Deus cuida de cada um de nós, pois “fé” é um modo de vida!
Estejamos sensíveis à direção de Deus para a nossa vida. Pois a partir desta direção, podemos crer e confiar naquilo que Deus nos promete.

Se você deseja ser usado por Deus e partir para uma nova vida com Jesus, se dispor a ser abençoado e estar debaixo das promessas do Senhor Nosso Deus. É só aceitar a Jesus como Senhor e Salvador de sua vida. Se a sua resposta for positiva em aceitar a Jesus como Senhor de sua vida, entre em contato conosco. Fale de sua de decisão, e faça seu pedido de oração: {Clique aqui}


Mensagem anterior - Próxima mensagem -

Outras Mensagens


Dê a sua Opinião sobre esta Mensagem - Imprima esta Mensagem