Deus: O Verdadeiro Supridor

 

Mensagem ministrada em 14 de Outubro de 2005


TEXTO BASE: (Mateus 22.37-40) “Respondeu-lhe Jesus: Amarás o Senhor, teu Deus, de todo o teu coração, de toda a tua alma e de todo o teu entendimento. Este é o grande e primeiro mandamento. O segundo, semelhante a este, é: Amarás o teu próximo como a ti mesmo. Destes dois mandamentos dependem toda a Lei e os Profetas”.

INTRODUÇÃO: Em toda a nossa vida o fator com que mais lidamos é o fator: Relacionamento. Tudo se baseia em um relacionamento. Nos relacionamos como filhos, sobrinhos, netos, primos. Nos relacionamos como colegas, vizinhos, amigos. Nos relacionamos como profissionais, estudantes, cidadãos. Nos relacionamos como namorados, noivos, cônjuges, pais, tios, avós. Tudo gira em torno de relacionamentos. Só que muitas vezes nós não entendemos os limites desses relacionamentos, principalmente quando se trata do nosso próximo ou de quem estiver em nosso grupo de relacionamentos:

1. AMOR E CONFIANÇA: Como entender este aparente paradoxo (paradoxo: conceito que é ou parece contrário ao senso comum): (Mateus 22.39) “Amarás o teu próximo como a ti mesmo”. (Jeremias 17.5) “Assim diz o SENHOR: Maldito o homem que confia no homem”. Eu amo mas não posso confiar? Nos relacionamentos o amor deve ser incondicional ou seja não sujeito a condições, irrestrito. Mas a confiança só deve ser dedicada a Deus e não ao relacionamento ou à pessoa com que nos relacionamos.

2. NINGUÉM SUPRE TODAS AS NECESSIDADES EM TODO O TEMPO: Imagine todos os tipos de relacionamentos que você tem. Comece com os mais superficiais e vai acentuando aqueles mais íntimos. Agora olhe para aqueles relacionamentos em que você confiou e se decepcionou. Por que houve a decepção? Porque a pessoa com quem você se relacionou não supriu todas as suas necessidades o tempo todo. Talvez no momento em que você mais precisou desta pessoa, ela falhou. E é isso que precisamos aprender: Nenhuma pessoa no mundo poderá suprir todas as nossas necessidades o tempo todo. Somente Deus tem este poder.

3. MALDITO O HOMEM QUE CONFIA EM OUTRO HOMEM: Conforme crescemos e mudamos, as nossas necessidades mudam na mesma proporção, e esperamos que as pessoas com quem nos relacionamos mudem também nesta mesma proporção. Mas isso não é possível. Isso só compete a Deus. Ninguém pode suprir todas as nossas necessidades em todo o tempo. Só Deus. Infelizmente a incompreensão deste fato tem originado um número crescente de relacionamentos desfeitos. a) A amizade entre dois amigos, pode se romper pelo fato de um não conseguir suprir todas as necessidades do outro em todo o tempo; b) Um bom emprego pode ser perdido, como também um bom funcionário pode se demitir, pelo fato de no relacionamento empregado/patrão não houve o cumprimento de todas as necessidades em todo o tempo; c) Um casamento, e este parece que com mais acentuação, acaba em separação porque não há a compreensão de que um dos cônjuges não têm como suprir todas as necessidades do outro em todo o tempo; d) Pais de decepcionam com os filhos e filhos com os pais, porque existe esta exigência de que um ou outro, tem que suprir todas as suas necessidades em todo o tempo. Deus não deu este poder ao homem e é por isso que Ele próprio afirma que “maldito o homem que confia em outro homem”.

4. SÓ DEUS É O ÚNICO E VERDADEIRO SUPRIDOR: O único que pode suprir todas as nossas necessidades em todo o tempo é Deus através de Jesus Cristo: (Romanos 8.35-39) “Quem nos separará do amor de Cristo? Será tribulação, ou angústia, ou perseguição, ou fome, ou nudez, ou perigo, ou espada? Como está escrito: Por amor de ti, somos entregues à morte o dia todo, fomos considerados como ovelhas para o matadouro. Em todas estas coisas, porém, somos mais que vencedores, por meio daquele que nos amou. Porque eu estou bem certo de que nem a morte, nem a vida, nem os anjos, nem os principados, nem as coisas do presente, nem do porvir, nem os poderes, nem a altura, nem a profundidade, nem qualquer outra criatura poderá separar-nos do amor de Deus, que está em Cristo Jesus, nosso Senhor”. Em Deus temos o suprimento necessário para a nossa vida e em todo o tempo.

CONCLUSÃO: Talvez você tenha se decepcionado com alguém de quem goste muito. Talvez o relacionamento que vocês tinham tenha-se quebrado devido esta decepção. Talvez você tenha lançado toda a culpa sobre esta pessoa ou sobre você mesmo. Deixe Deus tratar do seu coração, entenda que só Cristo poderá suprir todas as nossas necessidades em todo o tempo. Não se martirize, deixe Cristo tomar conta de você. Ele não vai te decepcionar.

Tenha Jesus como o Senhor e Salvador de sua vida! Você gostaria de aceitá-lo em sua vida? Se você está decidido em aceitar a Jesus como Senhor de sua vida, entre em contato conosco. Fale de sua de decisão, e faça seu pedido de oração: {Clique aqui}


Mensagem anterior - Próxima mensagem -

Outras Mensagens


Dê a sua Opinião sobre esta Mensagem - Imprima esta Mensagem