Reflexões Bíblicas
Mensagens ministradas no Programa Tempo de Festa
Rádio Popular FM e Rádio Água Viva On-Line

Cuidado com os Intervalos


No momento em que o profeta Samuel derramou sobre o filho caçula de Jessé o azeite que estava na botija, “daquele dia em diante o Espírito do Senhor se apossou de Davi” (1º Samuel 16.13).

O efeito daquela unção se fez sentir no resto daquele dia, no dia seguinte e nos dias subseqüentes. Isso significava auxílio, capacitação, comprometimento, direção e bênçãos sobre bênçãos.

Essa experiência nova teve começo, mas não tinha data de encerramento. Era daquele dia em diante, em meio à alegria e à tristeza, em dias de sol e em dias de chuva, em dias de largura e em dias de aperto. A não ser que o Espírito desistisse de Davi – o que era muito improvável – ou que Davi desistisse do Espírito – o que poderia acontecer.

E de fato aconteceu. Em meio a uma crise de comunhão provocada por um possível relaxamento ou por um período de autoconfiança demasiada, Davi pecou gravissimamente contra Deus e perdeu a plenitude daquela unção. Daí a oração do salmista, depois de ter caído em si: “Não me expulses da tua presença nem tires de mim o teu Santo Espírito” (Salmos 51.11).

Depois de algum tempo de muito sofrimento, as coisas voltaram ao normal.

Para quem está acostumado a ter o Espírito Santo, intervalos como esse de Davi são muito desagradáveis. Então cuidado com os intervalos. Eles podem se tornar tão prolongados que o período de encanto espiritual é que passa a ser o intervalo, e não o estado dominante.

Se, no presente momento, você está dentro de um desses intervalos, feche-o depressa.

Acertadamente o apóstolo Paulo nos aconselha: “Não entristeçam o Espírito Santo de Deus, com o qual vocês foram selados para o dia da redenção” (Efésios 4.30). Portanto, cuidado com os  intervalos. O melhor mesmo é permanecer contínuo na presença do Pai.

A Bíblia diz: (Salmos 105.4) "Buscai o SENHOR e o seu poder; buscai perpetuamente a sua presença".

Se esta mensagem tocou em seu coração e você quer conhecer mais acerca de Deus, de Jesus, do Espírito Santo e da Igreja, entre em contato conosco. Fale de sua de decisão, e faça seu pedido de oração: {Clique aqui}


Reflexão anterior - Próxima reflexão -

Outras reflexões


Dê a sua Opinião sobre esta reflexão - Imprima esta reflexão