Reflexões Bíblicas
Mensagens ministradas no Programa Tempo de Festa
Rádio Popular FM e Rádio Água Viva On-Line

Na Vida


Na vida, morre lentamente quem se transforma em escravo do cotidiano, repetindo todos os dias os mesmos trajetos.

Na vida, morre lentamente quem não muda de marca, não arrisca vestir uma cor nova e não fala com quem não conhece.

Na vida, morre lentamente quem faz da televisão o seu guru.

Na vida, morre lentamente quem nunca encontrou um amor de verdade, quem prefere o escuro ao invés do claro e os pingos nos "is" a um redemoinho de emoções, exatamente o que resgata o brilho nos olhos, o sorriso nos lábios e coração aos tropeços.

Na vida, morre lentamente quem não vira a mesa quando está infeliz no trabalho, para ir atrás de um sonho respaldado por Deus.

Na vida, morre lentamente quem não se permite, pelo menos uma vez na vida, ouvir conselhos sensatos.

Na vida, morre lentamente quem não viaja, quem não lê, quem não ouve música, quem não encontra graça em si mesmo.

Na vida, morre lentamente quem passa os dias se queixando da sua má sorte, ou da chuva incessante.

Na vida, morre lentamente quem destrói seu amor próprio, quem não se deixa ajudar.

Na vida, morre lentamente quem abandona um projeto antes de iniciá-lo, e nunca pergunta sobre um assunto que desconhece e nem responde quando lhe perguntam sobre algo que conhece.

Evitemos a morte em suaves porções, recordando sempre que estar vivo exige um esforço muito maior que o simples ar que respiramos. Pois Deus nos presenteou com inteligência, imaginação e criatividade. Então não permita ser morto lentamente, mas viva a vida que Deus nos dá. A vida que Jesus nos promete. A vida em abundancia!

A Bíblia diz: (João 10.10) "O ladrão vem somente para roubar, matar e destruir; eu vim para que tenham vida e a tenham em abundância".

Se esta mensagem tocou em seu coração e você quer conhecer mais acerca de Deus, de Jesus, do Espírito Santo e da Igreja, entre em contato conosco. Fale de sua de decisão, e faça seu pedido de oração: {Clique aqui}


Reflexão anterior - Próxima reflexão -

Outras reflexões


Dê a sua Opinião sobre esta reflexão - Imprima esta reflexão