Reflexões Bíblicas
Mensagens ministradas no Programa Tempo de Festa
Rádio Popular FM e Rádio Água Viva On-Line

Tales de Mileto


Um sofista se aproximou de Tales de Mileto, um dos sete sábios da Grécia Antiga, e intentou confundi-lo com algumas perguntas difíceis. Porém, o Sábio de Mileto esteve à altura da prova porque respondeu a todas as perguntas sem a menor vacilação e assim mesmo com a maior exatidão. Vamos a elas, pois vale a pena escutar e refletir:

1. Qual é a coisa mais antiga? Deus, porque sempre tem existido.

2. Qual é a coisa mais formosa? O Universo, porque é obra de Deus.

3. Qual é a maior de todas as coisas? O espaço, porque contém o Criador.

4. Qual é a coisa mais constante? A esperança, porque permanece no homem mesmo depois que haja perdido todo o mais.

5. Qual é a melhor de todas as coisas? A virtude, porque sem ela não existe nada de bom.

6. Qual é a mais rápida de todas as coisas? O pensamento, porque em menos de um minuto pode voar até o final do Universo.

7. Qual é a mais forte de todas as coisas? A necessidade, porque faz com que o homem enfrente todos os desafios da vida.

8. Qual é a mais fácil de todas as coisas? Dar conselhos.

Porém, quando chegou à nona pergunta, nosso sábio disse um paradoxo. Deu uma resposta que, estou seguro, não foi jamais entendida pelo mundano interlocutor, e que, para a maioria das pessoas terá um sentido superficial. A pergunta foi:

9. Qual é a mais difícil de todas as coisas? E o Sábio de Mileto replicou: Conhecer a si mesmo. E para tanto é necessário conhecermos mais a Deus.

Bíblia diz: (Oséias 6.3) “Conheçamos e prossigamos em conhecer ao SENHOR; como a alva, a sua vinda é certa; e ele descerá sobre nós como a chuva, como chuva serôdia que rega a terra”.

Se esta mensagem tocou em seu coração e você quer conhecer mais acerca de Deus, de Jesus, do Espírito Santo e da Igreja, entre em contato conosco. Fale de sua de decisão, e faça seu pedido de oração: {Clique aqui}


Reflexão anterior - Próxima reflexão -

Outras reflexões


Dê a sua Opinião sobre esta reflexão - Imprima esta reflexão