• aguavivabocaina@gmail.com
  • +55 14 98183-8530

Bíblia Cronológica – Versões | Dia 331

331º Dia – 27 de Novembro

O NOVO TESTAMENTO

CIDADE DE CORINTOA 2ª CARTA AOS TESSALONICENSES

Saudação

(2Ts 1.1-2) 1Nós, Paulo, Silas e Timóteo, escrevemos esta carta à Igreja em Tessalônica, a vocês que estão em Deus, nosso Pai, e no Senhor Jesus Cristo (NVT). 2Que a graça e a paz de Deus, nosso Pai, e do Senhor Jesus Cristo estejam com vocês (NAA).

Ações de Graças

(2Ts 1.3-6) 3Irmãos, devemos sempre dar graças a Deus por vocês; e isso é apropriado, porque a fé que vocês têm cresce cada vez mais, e muito aumenta o amor que todos vocês têm uns pelos outros (NVI). 4Por isso nos orgulhamos de falar às outras Igrejas de Deus sobre sua perseverança e fidelidade em todas as perseguições e aflições que vocês têm sofrido (NVT). 5Isso é sinal evidente do justo juízo de Deus, para que vocês sejam considerados dignos do Reino de Deus, pelo qual vocês também estão sofrendo (NAA). 6É justo da parte de Deus retribuir com tribulação aos que lhes causam tribulação (NVI),

O Evidente Juízo em Cristo

(2Ts 1.7-9) 7Deus concederá descanso a vocês, que são afligidos, e também a nós, na revelação do Senhor Jesus, quando ele vier do céu. Virá com seus anjos poderosos, 8em chamas de fogo, trazendo juízo sobre os que não conhecem a Deus e sobre os que se recusam a obedecer às boas-novas de nosso Senhor Jesus. 9Eles serão punidos com destruição eterna, separados para sempre da presença do Senhor e de seu glorioso poder (NVT).

(2Ts 1.10-12) 10No dia em que ele vier, receberá glória de seu povo santo e louvores de todos os que creem. E isso inclui vocês, pois creram naquilo que lhes dissemos a respeito dele (NVT). 11Conscientes disso, oramos constantemente por vocês, para que o nosso Deus os faça dignos da vocação e, com poder, cumpra todo bom propósito e toda obra que procede da fé. 12Assim o nome de nosso Senhor Jesus será glorificado em vocês, e vocês nele, segundo a graça de nosso Deus e do Senhor Jesus Cristo (NVI).

O Homem da Iniquidade

(2Ts 2.1-4) 1Irmãos, no que diz respeito à vinda de nosso Senhor Jesus Cristo e à nossa reunião com ele, pedimos (NAA) 2que não se deixem abalar nem alarmar tão facilmente, quer por profecia, quer por palavra, quer por carta supostamente vinda de nós, como se o Dia do Senhor já tivesse chegado (NVI). 3Ninguém, de modo nenhum, os engane, porque isto não acontecerá sem que primeiro venha a apostasia e seja revelado o homem da iniquidade, o filho da perdição (NAA). 4Este se opõe e se exalta acima de tudo o que se chama Deus ou é objeto de adoração, chegando até a assentar-se no Santuário de Deus, proclamando que ele mesmo é Deus (NVI).

(2Ts 2.5-6) 5Não se lembram de que, quando eu ainda estava com vocês, costumava falar essas coisas? 6E agora vocês sabem o que o está detendo, para que ele seja revelado no seu devido tempo (NVI).

(2Ts 2.7-8) 7A verdade é que o mistério da iniquidade já está em ação, restando apenas que seja afastado aquele que agora o detém. 8Então será revelado o perverso, a quem o Senhor Jesus matará com o sopro de sua boca e destruirá pela manifestação de sua vinda (NVI).

(2Ts 2.9-12) 9A vinda desse perverso é segundo a ação de Satanás, com todo o poder, com sinais e com maravilhas enganadoras (NVI), 10e com todo tipo de mentira perversa para enganar os que estão caminhando para a destruição, pois se recusam a amar e a aceitar a verdade que os salvaria (NVT). 11Por essa razão Deus lhes envia um poder sedutor, a fim de que creiam na mentira (NVI) 12a fim de serem condenados todos os que não creram na verdade, mas tiveram prazer na injustiça (NAA).

Permanecer Firmes

(2Ts 2.13-14) 13Mas devemos sempre dar graças a Deus por vocês, irmãos amados pelo Senhor, porque Deus os escolheu desde o princípio para a salvação, pela santificação do Espírito e fé na verdade (NAA). 14Ele os chamou para isso por meio de nosso Evangelho, a fim de tomarem posse da glória de nosso Senhor Jesus Cristo (NVI).

(2Ts 2.15-17) 15Portanto, irmãos, permaneçam firmes e apeguem-se às tradições que foram ensinadas a vocês, quer de viva voz, quer por carta nossa. 16Que o próprio Senhor Jesus Cristo e Deus nosso Pai, que nos amou e nos deu eterna consolação e boa esperança pela graça, 17deem ânimo ao coração de vocês e os fortaleçam para fazerem sempre o bem, tanto em atos como em palavras (NVI).

Orem por Nós

(2Ts 3.1-5) 1Finalmente, irmãos, pedimos que orem por nós. Orem para que a mensagem do Senhor se espalhe rapidamente e seja honrada por onde quer que vá, como aconteceu quando chegou a vocês. 2Orem também para que sejamos libertos dos perversos e maus, pois nem todos têm fé (NVT). 3Mas o Senhor é fiel. Ele os fortalecerá e os guardará do Maligno. 4Temos confiança no Senhor quanto a vocês, de que não só estão praticando as coisas que lhes ordenamos, como também continuarão a fazê-las (NAA). 5Que o Senhor conduza o coração de vocês ao amor de Deus e à perseverança que vem de Cristo (NVT).

Afastem-se da Ociosidade

(2Ts 3.6-8) 6E agora, irmãos, nós lhes damos a seguinte ordem em nome de nosso Senhor Jesus Cristo: “Mantenham-se afastados de todos os irmãos que vivem ociosamente e não seguem a tradição que receberam de nós”. 7Pois vocês sabem que devem seguir nosso exemplo. Não ficamos ociosos quando estivemos com vocês, 8nem nos alimentamos às custas dos outros. Trabalhamos arduamente dia e noite, a fim de não sermos um peso para nenhum de vocês (NVT).

(2Ts 3.9-12) 9Não que não tivéssemos o direito de receber algo, mas porque tínhamos em vista apresentar a nós mesmos como exemplo, para que vocês nos imitassem. 10Porque, quando ainda estávamos com vocês, ordenamos isto: “Se alguém não quer trabalhar, também não coma” (NAA). 11Contudo, soubemos que alguns de vocês estão vivendo ociosamente, recusando-se a trabalhar e intrometendo-se em assuntos alheios. 12Ordenamos e insistimos em nome do Senhor Jesus Cristo que sosseguem e trabalhem para obter o próprio sustento (NVT).

(2Ts 3.13-15) 13Quanto a vocês, irmãos, nunca se cansem de fazer o bem. 14Observem quem se recusa a obedecer àquilo que lhes digo nesta carta. Afastem-se dele, para que se sinta envergonhado (NVT), 15contudo, não o considerem como inimigo, mas chamem a atenção dele como irmão (NVI).

A Bênção

(2Ts 3.16-18) 16Que o próprio Senhor da paz lhes dê paz em todos os momentos e situações. Que o Senhor esteja com todos vocês. 17Aqui está minha saudação de próprio punho: “Paulo”. Assim faço em todas as minhas cartas para provar que eu mesmo as escrevi. 18Que a graça de nosso Senhor Jesus Cristo esteja com todos vocês” (NVT).

Paulo, Áquila e Priscila na Cidade de Cencréia

(At 18.18) 18Paulo permaneceu em Corinto por algum tempo. Depois despediu-se dos irmãos e navegou para a Síria, acompanhado de Priscila e Áquila. Antes de embarcar, rapou a cabeça em Cencréia, devido a um voto que havia feito (NVI).

Paulo, Áquila e Priscila na Cidade de Éfeso

(At 18.19-21) 19Chegaram a Éfeso, onde Paulo deixou Priscila e Áquila. Ele, porém, entrando na sinagoga, começou a debater com os judeus (NVI). 20Eles pediram que ficasse mais tempo, mas ele recusou (NVT). 21Mas, ao partir, prometeu: “Voltarei, se for da vontade de Deus”. Então, embarcando, partiu de Éfeso (NVI).

Paulo nas Cidades de Cesaréia, Jerusalém e de Volta à Antioquia da Síria

(At 18.22) 22Quando desembarcou em Cesaréia, foi logo para Jerusalém. Ali ele fez uma curta visita à Igreja e depois seguiu para Antioquia da Síria (NTLH).

Paulo Inicia sua Terceira Viagem Missionária

(At 18.23) 23Depois de passar algum tempo em Antioquia, Paulo partiu dali e viajou por toda a região da Galácia e da Frígia, fortalecendo todos os discípulos (NVI).

CIDADE DE ÉFESOApolo se Junta à Áquila e Priscila

(At 18.24-25) 24Enquanto isso, chegou a Éfeso vindo de Alexandria, no Egito, um judeu chamado Apolo. Era um orador eloquente que conhecia bem as Escrituras. 25Tinha sido instruído no caminho do Senhor e ensinava a respeito de Jesus com profundo entusiasmo e exatidão, embora só conhecesse o batismo de João (NVT).

(At 18.26) 26Apolo começou a falar ousadamente na sinagoga. Quando Priscila e Áquila o ouviram falar, levaram-no consigo e, com mais exatidão, lhe expuseram o caminho de Deus (NAA).

Apolo é Enviado para a Cidade de Corinto

(At 18.27-28) 27Apolo queria percorrer a Acaia, e os irmãos de Éfeso o incentivaram. Escreveram uma carta aos discípulos de lá, pedindo que o recebessem bem. Ao chegar, foi de grande ajuda àqueles que, pela graça, haviam crido (NVT), 28porque, com grande poder, convencia publicamente os judeus, provando, por meio das Escrituras, que Jesus é o Cristo (NAA).

Paulo na Cidade de Éfeso

(At 19.1-2) 1Enquanto Apolo estava em Corinto, Paulo viajou pelas regiões do interior até chegar a Éfeso, no litoral, onde encontrou alguns discípulos. 2Ele lhes perguntou: “Vocês receberam o Espírito Santo quando creram?” “Não”, responderam eles. “Nem sequer ouvimos que existe o Espírito Santo” (NVT).

(At 19.3-7) 3Paulo perguntou: “Então que batismo vocês receberam?” Eles responderam: “O batismo de João” (NAA). 4Disse Paulo: “O batismo de João foi um batismo de arrependimento. Ele dizia ao povo que cresse naquele que viria depois dele, isto é, em Jesus” (NVI). 5Eles, tendo ouvido isto, foram batizados no nome do Senhor Jesus. 6E, quando Paulo lhes impôs as mãos, o Espírito Santo veio sobre eles, e tanto falavam em línguas como profetizavam. 7Eram, ao todo, uns doze homens (NAA).

(At 19.8-10) 8Durante três meses, Paulo frequentou a sinagoga, onde falava ousadamente, discutindo e persuadindo a respeito do Reino de Deus (NAA). 9Mas alguns deles se endureceram e se recusaram a crer, e começaram a falar mal do Caminho diante da multidão. Paulo, então, afastou-se deles. Tomando consigo os discípulos, passou a ensinar diariamente na escola de Tirano. 10Isso continuou por dois anos, de forma que todos os judeus e os gregos que viviam na província da Ásia ouviram a palavra do Senhor (NVI).

CIDADE DE ÉFESOA 1ª CARTA AOS CORÍNTIOS

Saudação

(1Co 1.1-3) 1Eu, Paulo, chamado para ser apóstolo de Cristo Jesus pela vontade de Deus, escrevo esta carta, com nosso irmão Sóstenes, 2à Igreja de Deus em Corinto, àqueles que ele santificou por meio de Cristo Jesus. Vocês foram chamados por Deus para ser seu povo santo junto com todos que, em toda parte, invocam o nome de nosso Senhor Jesus Cristo, Senhor deles e nosso (NVT). 3Que a graça e a paz de Deus, nosso Pai, e do Senhor Jesus Cristo estejam com vocês (NAA).

Ações de Graças

(1Co 1.4-7) 4Sempre dou graças ao meu Deus por vocês, por causa da graça de Deus que foi dada a vocês em Cristo Jesus (NAA). 5 Pois nele vocês foram enriquecidos em tudo, isto é, em toda palavra e em todo conhecimento (NVI), 6assim como o testemunho de Cristo tem sido confirmado em vocês, 7de maneira que não lhes falta nenhum dom, enquanto aguardam a revelação de nosso Senhor Jesus Cristo (NAA).

(1Co 1.8-9) 8Ele os manterá firmes até o fim, de modo que vocês serão irrepreensíveis no dia de nosso Senhor Jesus Cristo. 9Fiel é Deus, o qual os chamou à comunhão com seu Filho Jesus Cristo, nosso Senhor (NVI).

Proclamando Cristo Crucificado

(1Co 2.1-5) 1Irmãos, quando estive com vocês, anunciando-lhes o mistério de Deus, não o fiz com ostentação de linguagem ou de sabedoria (NAA). 2Pois decidi nada saber entre vocês, a não ser Jesus Cristo, e este crucificado (NVI). 3E foi em fraqueza, temor e grande tremor que eu estive entre vocês. 4A minha palavra e a minha pregação não consistiram em linguagem persuasiva de sabedoria, mas em demonstração do Espírito e de poder, 5para que a fé que vocês têm não se apoiasse em sabedoria humana, mas no poder de Deus (NAA).

Sabedoria do Espírito

(1Co 2.6-7) 6No entanto, transmitimos sabedoria entre os que são maduros. Não, porém, a sabedoria deste mundo, nem a dos poderosos desta época, que são reduzidos a nada (NAA). 7Pelo contrário, a sabedoria a que nos referimos é o mistério de Deus, seu plano antes secreto e oculto, embora ele o tenha elaborado para nossa glória antes do começo do mundo (NVT).

(1Co 2.8-10) 8Os governantes desta era, por sua vez, não a entenderam, pois se a houvessem entendido não teriam crucificado o Senhor da glória (NVT). 9Mas, como está escrito: “Nem olhos viram, nem ouvidos ouviram, nem jamais penetrou em coração humano o que Deus tem preparado para aqueles que o amam”. 10Deus, porém, revelou isso a nós por meio do Espírito. Porque o Espírito sonda todas as coisas, até mesmo as profundezas de Deus (NAA).

(1Co 2.11-13) 11Pois quem conhece as coisas do ser humano, a não ser o próprio espírito humano, que nele está? Assim, ninguém conhece as coisas de Deus, a não ser o Espírito de Deus. 12E nós não temos recebido o espírito do mundo, e sim o Espírito que vem de Deus, para que conheçamos o que por Deus nos foi dado gratuitamente. 13Disto também falamos, não em palavras ensinadas pela sabedoria humana, mas ensinadas pelo Espírito, conferindo coisas espirituais com espirituais (NAA).

(1Co 2.14-16)14Ora, a pessoa natural não aceita as coisas do Espírito de Deus, porque lhe são loucura. E ela não pode entendê-las, porque elas se discernem espiritualmente. 15Porém a pessoa espiritual julga todas as coisas, mas ela não é julgada por ninguém. 16Pois quem conheceu a mente do Senhor, para que o possa instruir? Nós, porém, temos a mente de Cristo (NAA).

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Você não pode copiar o conteúdo desta página.