• aguavivabocaina@gmail.com
  • +55 14 98183-8530

Bíblia Cronológica – Versões | Dia 211

211º Dia – 30 de Julho

REINO DE JUDÁ

CIDADE DE JERUSALÉMProfeta Jeremias: O Destruidor vem do Norte

(Jr 4.5-8) 5“Anunciem em Judá! Proclamem em Jerusalém: ‘Toquem a trombeta por toda esta terra!’ Gritem bem alto e digam: ‘Reúnam-se! Fujamos para as cidades fortificadas!’ (NVI) 6Levantem a bandeira para advertir Sião: ‘Fujam agora mesmo! Não demorem!’ Pois, do norte, trago sobre vocês terrível destruição!” 7Um leão saiu de seu abrigo, um destruidor de nações. Saiu de sua toca e se encaminha até vocês; ele devastará sua terra. Suas cidades serão arruinadas, e ninguém viverá nelas (NVT). 8Por isso, vistam roupa feita de pano de saco, lamentem e uivem, porque o furor da ira do Senhor não se desviou de nós (NAA).

(Jr 4.9-12) 9“Naquele dia”, diz o Senhor, “o rei e os seus oficiais perderão a coragem, os sacerdotes ficarão horrorizados e os profetas, perplexos” (NVI). 10Então eu disse: “Ó Soberano Senhor, o povo foi enganado por aquilo que disseste, pois prometeste paz a Jerusalém, mas a espada está em nossa garganta!” (NVT). 11Naquele tempo, se dirá a este povo e à cidade de Jerusalém: “Um vento abrasador, vindo dos lugares altos do deserto, sopra na direção da filha do meu povo, não para peneirar nem para limpar. 12Um vento mais forte do que este virá ainda de minha parte, e, então, também eu pronunciarei a sentença contra eles” (NAA).

(Jr 4.13-14) 13Eis que o destruidor avança como as nuvens; os seus carros de guerra são como a tempestade; os seus cavalos são mais ligeiros do que as águias. Ai de nós! Estamos perdidos! 14Lave a maldade do seu coração, ó Jerusalém, para que você seja salva! Até quando você abrigará esses seus maus pensamentos? (NAA)

(Jr 4.15-18) 15Sua destruição foi anunciada desde Dã até a região montanhosa de Efraim (NVT). 16“Relatem isso a esta nação e proclamem contra Jerusalém: ‘Um exército inimigo está vindo de uma terra distante, dando seu grito de guerra contra as cidades de Judá’ (NVI). 17Como os guardas de um campo, eles cercam Jerusalém, porque ela se rebelou contra mim”, diz o Senhor (NAA). 18A sua própria conduta e as suas ações trouxeram isso sobre você. Como é amargo este seu castigo! Ele atinge até o seu coração! (NVI)

Profeta Jeremias: Angústia sobre a Desolação de Judá

(Jr 4.19-21) 19Meu coração, meu coração! Estou me contorcendo de dor! Meu coração bate forte dentro de mim; não consigo me aquietar! Pois ouvi o som das trombetas dos inimigos e o rugido de seus gritos de guerra (NVT). 20Um desastre depois do outro; toda a minha terra foi devastada. Num instante as minhas tendas foram destruídas, e os meus abrigos num momento (NVI). 21Até quando terei de ver as bandeiras e ouvir o som das trombetas? (NVT)

(Jr 4.22) 22“Meu povo é tolo e não me conhece”, diz o Senhor. “São crianças sem juízo, que não entendem coisa alguma. São astutos para fazer o mal, mas não têm ideia de como fazer o bem” (NVT).

Profeta Jeremias: A Destruição Futura (Alusão ao Final dos Tempos)

(Jr 4.23-25) 23Olhei para a terra, e eis que ela estava sem forma e vazia; olhei para os céus, e eles não tinham luz (NAA). 24Olhei para os montes, e eis que tremiam; e todas as colinas estremeciam. 25Olhei, e eis que não havia ninguém, e todas as aves dos céus haviam fugido (NAA).

(Jr 4.26-28) 26 Olhei ainda, e eis que a terra fértil era um deserto, e todas as suas cidades estavam derrubadas em ruínas diante do Senhor, diante do furor da sua ira. 27Pois assim diz o Senhor: “Toda a terra será devastada, porém não vou destrui-la completamente. 28Por isso, a terra pranteará, e os céus, lá em cima, escurecerão; porque falei, resolvi, não mudo de ideia nem volto atrás” (NAA).

(Jr 4.29-31) 29Ao clamor dos cavaleiros e dos flecheiros, todas as cidades fogem; entram pelas selvas e sobem pelos penhascos; todas as cidades ficam abandonadas, e já ninguém habita nelas (NAA). 30O que você está fazendo, ó cidade devastada? Por que se veste de vermelho e se enfeita com joias de ouro? Por que você passa sombra nos olhos? Você se embeleza em vão, pois os seus amantes a desprezam e querem tirar-lhe a vida (NVI). 31Ouvi um grito, como de mulher em trabalho de parto, como a agonia de uma mulher ao dar à luz o primeiro filho. É o grito da cidade de Sião, que está ofegante e estende as mãos, dizendo: “Ai de mim! Estou desfalecendo. Minha vida está nas mãos de assassinos!” (NVI)

Profeta Jeremias: Os Pecados de Jerusalém e de Judá

(Jr 5.1) 1“Percorram as ruas de Jerusalém, olhem e observem. Procurem em suas praças para ver se podem encontrar alguém que aja com honestidade e que busque a verdade. Então eu perdoarei a cidade” (NVI).

(Jr 5.2-3) 2Embora digam: “Tão certo como vive o Senhor”, certamente juram falso. 3Senhor, por acaso os teus olhos não atentam para a fidelidade? O Senhor feriu esse povo, mas eles não sentiram nada; o Senhor os consumiu, mas eles não quiseram aceitar a disciplina; endureceram o rosto mais do que uma rocha; não quiseram voltar (NAA).

(Jr 5.4-6) 4Mas eu pensei: “São apenas pobres insensatos, pois não conhecem o caminho do Senhor, o direito do seu Deus (NAA). 5Portanto, irei a seus líderes e falarei com eles; por certo conhecem os caminhos do Senhor e entendem o que a justiça de Deus exige”. Mas os líderes também, de comum acordo, livraram-se do jugo de Deus e quebraram suas correntes. 6Agora, um leão do bosque os atacará; um lobo do deserto os destruirá. Um leopardo ficará à espreita nos arredores de suas cidades e despedaçará qualquer um que se arriscar a sair. Pois sua rebeldia é grande, e muitos são seus pecados (NVT).

(Jr 5.7-11) 7“Por que deveria eu perdoar-lhe isso? Seus filhos me abandonaram e juraram por aqueles que não são deuses. Embora eu tenha suprido as suas necessidades, eles cometeram adultério e frequentaram as casas de prostituição. 8Eles são garanhões bem-alimentados e excitados, cada um relinchando para a mulher do próximo (NVI). 9Deixaria eu de castigar estas coisas?”, diz o Senhor. “Não deveria eu me vingar de uma nação como esta? 10Que os inimigos passem pelas carreiras da vinha e a destruam, porém não por completo; tirem os ramos, porque não são do Senhor. 11Porque a casa de Israel e a casa de Judá foram totalmente infiéis a mim”, diz o Senhor (NAA).

(Jr 5.12-14) 12Mentiram acerca do Senhor, dizendo: “Ele não vai fazer nada! Nenhum mal nos acontecerá; jamais veremos espada ou fome. 13Os profetas não passam de vento, e a palavra não está neles; por isso aconteça com eles o que dizem”. 14Portanto, assim diz o Senhor dos Exércitos: “Porque falaram essas palavras, farei com que as minhas palavras em sua boca sejam fogo, e este povo seja a lenha que o fogo consome” (NVI).

(Jr 5.15-19) 15“Ó comunidade de Israel”, declara o Senhor, “estou trazendo de longe uma nação para atacá-la: uma nação muito antiga e invencível, uma nação cuja língua você não conhece e cuja fala você não entende. 16Sua aljava é como um túmulo aberto; toda ela é composta de guerreiros. 17Devorarão as suas colheitas e os seus alimentos; devorarão os seus filhos e as suas filhas; devorarão as suas ovelhas e os seus bois; devorarão as suas videiras e as suas figueiras. Destruirão pela espada as cidades fortificadas nas quais vocês confiam (NVI). 18Porém, mesmo naqueles dias”, diz o Senhor, “não os destruirei completamente (NAA). 19E, quando o povo lhe perguntar: ‘Por que o Senhor, nosso Deus, fez tudo isso conosco?’, responda: ‘Vocês o rejeitaram e se entregaram a deuses estrangeiros em sua própria terra. Agora, servirão estrangeiros numa terra que não é de vocês’(NVT).

Profeta Jeremias: Deus avisa o seu Povo

(Jr 5.20-25) 20“Anunciem isto na casa de Jacó e façam uma proclamação em Judá, dizendo: 21‘Escute agora isto, povo tolo e sem entendimento, vocês que têm olhos e não veem, têm ouvidos e não ouvem’. 22Por que não me temem?”, diz o Senhor. “Por que não tremem diante de mim? Pois fui eu que pus a areia como limite do mar, limite perpétuo, que ele não irá ultrapassar. Ainda que se levantem as suas ondas, elas não prevalecerão; ainda que bramem, não passarão daquele limite” (NAA). 23Mas este povo tem coração obstinado e rebelde; eles se afastaram e foram embora (NVI). 24Em seu coração não dizem: “Temamos agora o Senhor, nosso Deus, que nos dá a seu tempo as chuvas, as primeiras e as últimas, e que nos reserva as semanas determinadas da colheita”. 25As maldades que vocês fizeram desviaram essas coisas boas, e os seus pecados afastaram de vocês o bem (NAA).

(Jr 5.26-29) 26“No meio do meu povo existem homens perversos que espreitam suas vítimas como o caçador de tocaia. Estão sempre colocando armadilhas para apanhar as pessoas (NVT). 27Suas casas estão cheias de engano, como gaiolas cheias de pássaros. E assim eles se tornaram poderosos e ricos, 28estão gordos e bem-alimentados. Não há limites para as suas obras más. Não se empenham pela causa do órfão, nem defendem os direitos do pobre (NVI). 29Deixaria eu de castigar estas coisas?”, diz o Senhor. Não deveria eu me vingar de uma nação como esta?” (NAA)

(Jr 5.30-31) 30“Uma coisa espantosa e horrível acontece nesta terra: 31Os profetas profetizam mentiras, os sacerdotes governam por sua própria autoridade, e o meu povo gosta dessas coisas. Mas o que vocês farão quando tudo isso chegar ao fim?” (NVI)

Profeta Jeremias: O Desastre iminente de Jerusalém

(Jr 6.1) 1Fujam, habitantes de Benjamim! Saiam de Jerusalém! Toquem a trombeta em Tecoa! Enviem um sinal para Bete-Haquerém! Um exército poderoso vem do norte, trazendo calamidade e destruição (NVT).

(Jr 6.2-5) 2“Deixarei em ruínas a formosa e delicada filha de Sião” (NAA). 3Inimigos a cercarão, como pastores acampados ao redor da cidade; cada um escolherá um lugar para suas tropas devorarem (NVT). 4Gritam: “Preparem-se para a batalha! Ataquem ao meio-dia!”. “Não! É tarde demais; o dia está quase no fim, e as sombras da noite já vêm” (NVT). 5“Levantem-se, e vamos atacar de noite e destruir as suas fortalezas” (NAA).

(Jr 6.6-8) 6Porque assim diz o Senhor dos Exércitos: “Cortem árvores e construam rampas de ataque contra Jerusalém. Esta é a cidade que há de ser punida; só há opressão no meio dela. 7Como o poço conserva frescas as suas águas, assim ela conserva a sua maldade. Violência e destruição se ouvem nela; enfermidade e feridas há diante de mim continuamente (NAA). 8Ouça a minha advertência, ó Jerusalém! Do contrário eu me afastarei inteiramente de você e farei de você uma desolação, uma terra desabitada” (NVI).

Profeta Jeremias: O Castigo por causa do Pecado

(Jr 6.9-10) 9Assim diz o Senhor dos Exércitos: “Até os poucos que restarem em Israel serão colhidos, como faz o lavrador que examina cada videira novamente para apanhar as uvas que deixou escapar”. 10A quem darei esta advertência? Quem ouvirá quando eu falar? Seus ouvidos estão tapados e não conseguem escutar. Desprezam a palavra do Senhor e detestam ouvi-la (NVT).

(Jr 6.11-12) 11Por isso, estou repleto da ira do Senhor; estou cansado de guardá-la dentro de mim. “Derrame-a sobre as crianças pelas ruas e sobre os jovens nas suas reuniões. Porque até o marido e a mulher serão presos, e também os velhos e os que têm idade avançada (NAA). 12Suas casas serão entregues a seus inimigos, e também seus campos e esposas. Pois levantarei minha mão poderosa. contra o povo desta terra”, diz o Senhor (NVT).

(Jr 6.13-15) 13“Desde o mais humilde até o mais importante, sua vida é dominada pela ganância. Desde os profetas até os sacerdotes, são todos impostores. 14Oferecem curativos superficiais para a ferida mortal do meu povo. Dão garantias de paz, quando não há paz alguma. 15Acaso se envergonham de sua conduta detestável? De maneira alguma! Nem sabem o que é vergonha! Portanto, estarão entre os que caírem no massacre; ficarão arruinados quando eu os castigar”, diz o Senhor (NVT).

(Jr 6.16-17) 16Assim diz o Senhor: “Parem nas encruzilhadas e olhem ao redor, perguntem qual é o caminho antigo, o bom caminho; andem por ele e encontrarão descanso para a alma. Vocês, porém, respondem: ‘Não é esse o caminho que queremos seguir’ (NVT). 17Também pus atalaias sobre vocês, dizendo: ‘Fiquem atentos ao som da trombeta’. Mas eles dizem: ‘Não escutaremos’(NAA).

(Jr 6.18-21) 18“Portanto, escutem, ó nações, e saiba, ó congregação, o que vai acontecer com eles! (NAA) 19Ouça, toda a terra: ‘Trarei calamidade sobre meu povo. Será fruto de suas próprias intrigas, pois não querem me ouvir; rejeitaram a minha Lei’. 20De nada adianta me oferecerem incenso doce de Sabá; fiquem com seu cálamo perfumado, importado de terras distantes! Não aceitarei seus holocaustos; seus sacrifícios não têm aroma agradável para mim” (NVT). 21Portanto, assim diz o Senhor: “Eis que porei tropeços diante deste povo; neles cairão pais e filhos juntamente; o vizinho e o seu companheiro perecerão” (NAA).

Profeta Jeremias: O Inimigo vem do Norte

(Jr 6.22-25) 22Assim diz o Senhor: “Eis que um povo vem da terra do Norte, e uma grande nação se levanta dos confins da terra. 23Armam-se de arco e de lança; são cruéis e não conhecem a compaixão. O barulho que fazem é como o bramido do mar. Vêm montados em cavalos, como guerreiros em ordem de batalha contra você, ó filha de Sião” (NAA). 24Ouvimos relatos sobre o inimigo, e nossas mãos tremem de medo. Somos tomados de pontadas de angústia, como as dores da mulher em trabalho de parto. 25Não saiam para os campos! Não viagem pelas estradas! A espada do inimigo está por toda parte e nos aterroriza a cada passo (NVT).

(Jr 6.26) 26“Ó meu povo, vista-se de pano de saco e sente-se sobre as cinzas. Lamente e chore amargamente, como quem perdeu o único filho, pois, de repente, o destruidor virá sobre você” (NVT).

(Jr 6.27-30) 27“Jeremias, fiz de você um purificador de metais entre o meu povo, uma fortaleza, para que você examine e venha a conhecer o caminho deles (NAA). 28Todos eles são rebeldes obstinados, e propagadores de calúnias. Estão endurecidos como o bronze e o ferro. Todos eles são corruptos” (NVI). 29O fole sopra com força, e o chumbo já se derreteu com o calor. Em vão continua a depuração, porque os maus não são separados. 30Serão chamados de “prata rejeitada”, porque o Senhor os rejeitou (NAA).

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Você não pode copiar o conteúdo desta página.