• aguavivabocaina@gmail.com
  • +55 14 98183-8530

Bíblia Cronológica – Versões | Dia 035

35º Dia – 4 de Fevereiro

O POVO DE ISRAEL NO DESERTO DO SINAI

CENÁRIO HISTÓRICO: Moisés no Monte Sinai (Aproximadamente 1.462 a.C.)CURIOSIDADES

  • Miriã com 94 anos (Irmã de Moisés)
  • Arão com 84 anos (Irmão de Moisés)
  • Moisés com 81 anos
  • Gérson com 39 anos (Filho de Moisés)
  • Calebe com 39 anos
  • Eliézer com 36 anos (Filho de Moisés)
  • Nadabe com 36 anos (Filho de Arão)
  • Abiú com 33 anos (Filho de Arão)
  • Eleazar com 30 anos (Filho de Arão)
  • Itamar com 27 anos (Filho de Arão)
  • Josué com 20 anos
  • Finéias com 5 anos (Filho de Eleazar e Neto de Arão)

DESERTO DO SINAI

O Ano do Descanso

(Lv 25.1-7) 1Disse o Senhor Yahweh a Moisés, no monte Sinai (ARA): 2“Dê as seguintes instruções ao povo de Israel. ‘Quando entrarem na terra que eu lhes dou, a terra deverá observar um Shabat para o Senhor Yahweh a cada sete anos (NVT). 3Durante seis anos semeiem as suas lavouras, aparem as suas vinhas e façam a colheita de suas plantações (NVI). 4Porém, no sétimo ano, haverá um Shabat de descanso solene para a terra, um Shabat dedicado ao Senhor Yahweh ; não semeiem os seus campos, nem façam a poda de suas vinhas (NAA). 5Não ceifem o que crescer espontaneamente nem colham as uvas dos vinhedos não podados. A terra terá um ano de descanso absoluto. 6Comam o que a terra produzir espontaneamente durante seu descanso. Isso se aplica a vocês, a seus filhos, a seus servos e servas, e também aos trabalhadores contratados e aos residentes temporários que vivem em seu meio. 7Seus rebanhos e todos os animais selvagens de sua terra também poderão comer o que a terra produzir’” (NVT).

(Lv 25.18-22) 18Pratiquem os meus decretos e obedeçam às minhas ordenanças, e vocês viverão com segurança na terra (NVI). 19Então a terra produzirá colheitas fartas, vocês comerão até se saciarem e viverão em segurança. 20Talvez vocês perguntem: ‘O que comeremos no sétimo ano, uma vez que não temos permissão de semear nem de colher nesse ano?’ (NVT) 21Saibam que eu lhes enviarei a minha bênção no sexto ano, e a terra produzirá o suficiente para três anos. 22Quando vocês estiverem plantando no oitavo ano, comerão ainda da colheita anterior e dela continuarão a comer até a colheita do nono ano” (NVI).

O Ano do Jubileu

(Lv 25.8-12) 8Contem sete semanas de anos, isto é, sete anos vezes sete, o que dá um total de quarenta e nove anos (NTLH). 9Então, no sétimo mês, aos dez dias do mês, você fará soar a trombeta; no Dia da Expiação, vocês farão soar a trombeta por toda a terra de vocês (NAA). 10Pois esse ano, que vem depois de cada quarenta e nove anos, é o ano sagrado da libertação, em que vocês anunciarão liberdade a todos os moradores do país. Nesse ano todos os que tiverem sido vendidos como escravos voltarão livres para as suas famílias, e todos os campos que tiverem sido vendidos voltarão a pertencer ao primeiro dono (NTLH). 11O quinquagésimo ano lhes será Jubileu; não semeiem e não ceifem o que cresce por si mesmo nem colham das vinhas não podadas (NVI). 12Será um ano de Jubileu para vocês e deverão mantê-lo santo. Comam o que a terra produzir espontaneamente” (NVT).

(Lv 25.13-17) 13No Ano do Jubileu, cada um poderá retornar à terra que pertencia a seus antepassados (NVT). 14Se vocês venderem alguma propriedade ao seu próximo ou se comprarem alguma propriedade dele, não explore o seu irmão (NVI). 15Ao comprar um terreno do seu próximo, o preço a ser pago será baseado no número de anos desde o último Jubileu. O vendedor estipulará o preço levando em conta os anos que ainda restam de colheitas (NVT). 16Quando os anos forem muitos, vocês deverão aumentar o preço, mas quando forem poucos, deverão diminuir o preço, pois o que ele está lhes vendendo é o número de colheitas (NVI). 17Mostrem seu temor a Deus Elohym não tirando vantagem um do outro. Eu sou o Senhor Yahweh , seu Deus Elohym (NVT).

Resgate da Herança

(Lv 25.23-28) 23Também a terra não será vendida em definitivo, porque a terra é minha; pois vocês são para mim estrangeiros e peregrinos (NAA). 24Assim, quando um terreno for vendido, o seu antigo dono será o primeiro a ter o direito de tornar a comprá-lo (NTLH). 25Se alguém do seu povo empobrecer e for obrigado a vender parte das terras da família, um parente próximo deverá comprar a propriedade de volta para ele. 26Se não houver qualquer parente próximo para comprar a propriedade, mas a pessoa que a vendeu conseguir dinheiro suficiente para comprá-la de volta, 27terá o direito de resgatá-la de quem a comprou. Do preço da terra será descontado um valor proporcional ao número de anos até o próximo Ano do Jubileu. Desse modo, o primeiro dono da propriedade terá condições de retornar à sua terra. 28Se, contudo, o primeiro dono não tiver condições de comprar de volta a propriedade, ela ficará com o novo dono até o Ano do Jubileu seguinte. Nesse ano, a propriedade será devolvida aos primeiros donos, a fim de que voltem à terra de sua família” (NVT).

(Lv 25.29-31) 29“Quem vender uma casa dentro de uma cidade murada terá, por um ano completo, o direito de comprá-la de volta. Durante esse ano, o vendedor poderá resgatar a casa (NVT). 30Se não for resgatada antes de se completar um ano, a casa da cidade murada pertencerá definitivamente ao comprador e aos seus descendentes; não será devolvida no Jubileu (NVI). 31Mas, se não a comprar de volta durante esse ano, a venda da casa dentro da cidade murada não poderá ser revertida. A casa se tornará propriedade permanente do comprador. Não será devolvida ao primeiro dono no Ano do Jubileu” (NVT).

(Lv 25.32-34) 32No caso das cidades dos Levitas, eles sempre terão direito de resgatar suas casas nas cidades que lhes pertencem (NVI). 33Qualquer propriedade vendida pelos Levitas, ou seja, todas as casas dentro das cidades deles, será devolvida no Ano do Jubileu. Afinal, essas casas são suas únicas propriedades em todo o Israel. 34As pastagens em volta das cidades dos Levitas não serão vendidas. São propriedade permanente deles” (NVT).

Lei a Favor dos Pobres

(Lv 25.35-38) 35Se um israelita que mora perto de você ficar pobre e não puder sustentar-se, então você tem o dever de tomar conta dele. Ajude-o como se ele fosse um estrangeiro que mora no meio do povo, a fim de que ele continue a morar perto de você (NTLH). 36Não cobrem juros nem tenham lucro à custa dele. Em vez disso, mostrem seu temor a Deus Elohym permitindo que ele viva como parente com vocês. 37Lembrem-se de não cobrar juros sobre o dinheiro que lhe emprestarem nem de ter lucro com o alimento que lhe venderem (NVT). 38Eu sou o Senhor Yahweh , o Deus Elohym de vocês, que os tirou da terra do Egito para dar-lhes a terra de Canaã e para ser o seu Deus Elohym (NVI).

(Lv 25.39-46) 39Se alguém do seu povo empobrecer e se vender a algum de vocês, não o façam trabalhar como escravo (NVI). 40Ele prestará serviços a você como trabalhador contratado, ou como hóspede. Fará isso até o Ano de Jubileu (BV). 41Então ficará livre de você, ele e os filhos dele, e voltará à sua família e à propriedade de seus pais. 42Porque eles são meus servos, que tirei da terra do Egito; não serão vendidos como escravos (NAA). 43Não dominem impiedosamente sobre eles, mas temam o seu Deus Elohym . 44Os seus escravos e as suas escravas deverão vir dos povos que vivem ao redor de vocês; deles vocês poderão comprar escravos e escravas (NVI). 45Também poderão comprá-los dos filhos dos estrangeiros que peregrinam entre vocês, deles e das famílias deles que estiverem com vocês, que nasceram na terra de vocês; e eles se tornarão propriedade de vocês. 46Vocês poderão deixá-los como herança para os seus filhos depois de vocês, para que sejam propriedade deles. Vocês poderão fazer com que esses sirvam perpetuamente, mas sobre os seus irmãos, os filhos de Israel, vocês não devem dominar com tirania uns sobre os outros” (NAA).

O Resgate do Pobre

(Lv 25.47-55) 47“Se um estrangeiro ou peregrino que mora no meio do povo enriquecer, e se alguém do seu povo tornar-se pobre e vender-se como escravo a esse estrangeiro ou peregrino que mora no meio do povo, ou a alguém da família desse estrangeiro (NAA), 48manterá o direito de resgate mesmo depois de vender a si mesmo. Um dos seus parentes poderá resgatá-lo: 49ou tio, ou primo, ou qualquer parente próximo poderá resgatá-lo. Se, todavia, prosperar, poderá resgatar a si mesmo. 50Ele e o seu comprador contarão o tempo desde o ano em que vendeu a si mesmo até o Ano do Jubileu. O preço do resgate se baseará no salário de um empregado contratado por aquele número de anos. 51Se restarem muitos anos, pagará o seu resgate proporcionalmente ao preço de compra. 52Se restarem apenas poucos anos até o Ano do Jubileu, fará o cálculo, e pagará o seu resgate proporcionalmente aos anos. 53Ele deverá ser tratado como um empregado contratado anualmente; não permitam que o seu senhor domine impiedosamente sobre ele. 54Se não for resgatado por nenhuma dessas maneiras, ele e os seus filhos estarão livres no Ano do Jubileu (NVI). 55Porque é a mim que os filhos de Israel servem. Eles são meus servos, que tirei da terra do Egito. Eu sou o Senhor Yahweh , o Deus Elohym de vocês” (NAA).

Bênçãos decorrentes da Obediência

(Lv 26.1-8) 1“Não façam ídolos nem imagens para si, nem levantem em sua terra colunas sagradas ou pedras esculpidas para adorá-las. Eu sou o Senhor Yahweh , seu Deus Elohym (NVT). 2Guardem o meu Shabat e reverenciem o meu santuário. Eu sou o Senhor Yahweh . 3Se vocês seguirem os meus decretos e obedecerem aos meus mandamentos, e os colocarem em prática (NVI), 4enviarei as chuvas nas estações próprias. A terra dará suas colheitas, e as árvores do campo produzirão seus frutos. 5A época de debulhar cereais se estenderá até o início da colheita das uvas, e a colheita das uvas, até o início do plantio dos cereais. Vocês comerão até se saciarem e viverão em segurança em sua terra (NVT). 6Estabelecerei paz na terra, e vocês se deitarão, e ninguém os amedrontará. Farei desaparecer da terra os animais selvagens, e a espada não passará pela terra de vocês. 7Vocês perseguirão os seus inimigos, e estes cairão à espada diante de vocês. 8Cinco de vocês perseguirão cem, cem de vocês perseguirão dez mil, e os seus inimigos cairão à espada diante de vocês” (NVI).

(Lv 26.9-13) 9“Olharei para vocês com favor, os tornarei férteis e multiplicarei seu povo. Cumprirei minha aliança com vocês (NVT). 10Vocês ainda estarão comendo da colheita armazenada no ano anterior, quando terão que se livrar dela para dar espaço para a nova colheita. 11Estabelecerei a minha habitação entre vocês e não os rejeitarei. 12Andarei entre vocês e serei o seu Deus Elohym , e vocês serão o meu povo (NVI). 13Eu sou o Senhor Yahweh , seu Deus Elohym , que os tirou da terra do Egito para que não fossem mais escravos. Quebrei o jugo de servidão que vocês carregavam sobre o pescoço e os fiz andar de cabeça erguida” (NVT).

Consequências da Desobediência

(Lv 26.14-20) 14Mas, se vocês não me ouvirem e não colocarem em prática todos esses mandamentos (NVI), 15e se quebrarem a minha aliança rejeitando meus decretos, desprezando meus estatutos e recusando-se a cumprir meus mandamentos (NVT), 16então assim os tratarei: eu lhes trarei pavor repentino, doenças e febre que tirarão a visão e lhes definharão a vida. Vocês semearão inutilmente, porque os seus inimigos comerão as suas sementes. 17O meu rosto estará contra vocês, e vocês serão derrotados pelos inimigos; os seus adversários os dominarão, e vocês fugirão mesmo quando ninguém os estiver perseguindo. 18Se depois disso tudo vocês não me ouvirem, eu os castigarei sete vezes mais pelos seus pecados (NVI). 19Quebrarei seu forte orgulho ao tornar o céu tão duro quanto o ferro e a terra tão impenetrável quanto o bronze. 20Todo o seu trabalho será inútil, pois a terra não dará colheitas, e as árvores não produzirão frutos” (NVT).

(Lv 26.21-25) 21“Se, ainda assim, continuarem se opondo a mim e se recusarem a me obedecer, causarei desastres sete vezes piores por causa de seus pecados (NVT). 22Porque enviarei para o meio de vocês animais selvagens, que os deixarão sem filhos, acabarão com o seu gado e os reduzirão a poucos; e as suas estradas ficarão desertas. 23“Se ainda com isto vocês não se corrigirem e não voltarem para mim, porém andarem em oposição a mim (NAA), 24eu mesmo me oporei a vocês e trarei calamidades sete vezes piores por causa de seus pecados. 25Trarei contra vocês a guerra como maldição da aliança que vocês quebraram. Quando correrem para as cidades em busca de segurança, enviarei uma praga que os destruirá ali, e vocês serão entregues nas mãos de seus inimigos” (NVT).

(Lv 26.26-35) 26Destruirei seus mantimentos, de modo que dez mulheres precisarão de apenas um forno para assar pão para suas famílias. Racionarão o alimento por peso e, mesmo tendo o que comer, não se saciarão (NVT). 27Se apesar disso tudo vocês ainda não me ouvirem, mas continuarem a opor-se a mim, 28então com furor me oporei a vocês, e eu mesmo os castigarei sete vezes mais por causa dos seus pecados (NVI). 29Então vocês comerão a carne de seus próprios filhos e filhas. 30Destruirei seus altares idólatras e derrubarei seus lugares de culto. Amontoarei seus cadáveres por sobre seus ídolos mortos e os desprezarei por completo. 31Farei suas cidades ficarem desoladas e destruirei seus santuários. Não terei prazer em suas ofertas, que deveriam ser um aroma agradável para mim. 32Sim, eu mesmo devastarei sua terra, e os inimigos que virão ocupá-la ficarão horrorizados com aquilo que virem. 33Eu os espalharei entre as nações e empunharei minha espada contra vocês. A terra ficará desolada, e as cidades, em ruínas (NVT). 34Então a terra desfrutará os seus anos de Shabat enquanto estiver desolada e enquanto vocês estiverem na terra dos seus inimigos; e a terra descansará e desfrutará de seu Shabat (NVI). 35Durante todo o tempo em que a terra permanecer em ruínas, desfrutará o descanso que vocês não permitiram que ela tivesse a cada sete anos quando moravam nela” (NVT).

(Lv 26.36-39) 36“Quanto àqueles que sobreviverem, eu lhes causarei desespero na terra de seus inimigos. Viverão com tanto medo que até o som de uma folha levada pelo vento os fará fugir. Correrão como se fugissem de uma espada e cairão mesmo quando ninguém os estiver perseguindo. 37Ainda que não haja ninguém atrás deles, tropeçarão uns nos outros como quem foge de uma espada. Não terão forças para resistir a seus inimigos (NVT). 38Vocês perecerão entre as nações, e a terra dos seus inimigos os consumirá (NAA). 39Os que sobreviverem apodrecerão na terra do inimigo por causa dos seus pecados, e também por causa dos pecados dos seus antepassados” (NVI).

As Misericórdias do Senhor

(Lv 26.40-43) 40“Mas, se eles confessarem a sua iniquidade e a iniquidade de seus pais, na infidelidade que cometeram contra mim, e se confessarem que andaram em oposição a mim (NAA), 41que me levaram a opor-me a eles e a enviá-los para a terra dos seus inimigos; se o seu coração obstinado se humilhar, e eles aceitarem o castigo do seu pecado, 42eu me lembrarei da minha aliança com Jacó e da minha aliança com Isaque e da minha aliança com Abraão, e também me lembrarei da terra (NVI). 43Pois a terra precisará ser abandonada para desfrutar os anos do Shabat, de descanso enquanto permanecer deserta. Por fim, o povo receberá o castigo de seus pecados, pois rejeitaram continuamente meus estatutos e desprezaram meus decretos” (NVT).

(Lv 26.44-45) 44“Apesar disso tudo, não os rejeitarei completamente nem os desprezarei enquanto estiverem exilados na terra de seus inimigos. Não cancelarei minha aliança com eles exterminando-os, pois eu sou o Senhor Yahweh , seu Deus Elohym . 45Em favor deles, eu me lembrarei da antiga aliança que fiz com seus antepassados, os quais tirei da terra do Egito diante dos olhos de todas as nações, para ser o Deus Elohym deles. Eu sou o Senhor Yahweh (NVT).

(Lv 26.46) 46São esses os decretos, as ordenanças e as leis que o Senhor Yahweh estabeleceu no monte Sinai entre ele próprio e os israelitas, por intermédio de Moisés (NVI).

1 thoughts on “Bíblia Cronológica – Versões | Dia 035”

  1. Bryan da silva França disse:

    Bom dia🙌🙌

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Você não pode copiar o conteúdo desta página.