• aguavivabocaina@gmail.com
  • +55 14 98183-8530

Bíblia Cronológica – Versões | Dia 120

120º Dia – 30 de Abril

O REINADO DE DAVI

CENÁRIO HISTÓRICO: Davi manda conter a revolta de Seba (Aproximadamente 990 a.C.) CURIOSIDADES:

  • Davi com 65 anos
  • Mefibosete com 40 anos (Filho de Jonatas e Neto de Saul)
  • 36º ano do Reinado de Davi
  • Salomão com 13 anos

CIDADE DE JERUSALÉM

(2Sm 20.6-7) 6Então Davi disse a Abisai: “Seba vai nos dar mais trabalho do que Absalão. Pegue os meus homens e vá atrás dele; se não, ele poderá tomar algumas cidades cercadas de muralhas e escapar de nós” (NTLH). 7Então saíram com ele os soldados de Joabe, a guarda real e todos os valentes. Saíram de Jerusalém para perseguir Seba, filho de Bicri (NAA).

ROCHA DE GIBEOMJoabe mata Amasa

(2Sm 20.8-10) 8Quando chegaram à grande rocha em Gibeom, Amasa foi ao encontro deles. Joabe vestia seu traje militar e levava um punhal preso ao cinto. Quando deu um passo à frente para saudar Amasa, tirou o punhal da bainha (NVT)9Então Joabe disse a Amasa: “Você vai bem, meu irmão?” E, com a mão direita, pegou na barba de Amasa, para o beijar (NAA)10Amasa não percebeu o punhal na mão esquerda dele, e Joabe o feriu no estômago, de modo que suas entranhas se derramaram no chão. Joabe não precisou feri-lo outra vez, pois Amasa morreu rapidamente. Joabe e seu irmão Abisai deixaram o corpo ali e continuaram a perseguir Seba (NVT).

(2Sm 20.11-13) 11Um dos soldados de Joabe ficou perto do corpo de Amasa e gritou: “Todos os que estão do lado de Joabe e são a favor de Davi, sigam Joabe!” (NTLH) 12Amasa, porém, estava estendido numa poça de sangue no meio do caminho, e os soldados de Joabe viram que todos paravam para olhar. Então um dos soldados o arrastou para fora do caminho, até um campo, e o cobriu com um manto (NVT)13Depois que o corpo de Amasa foi retirado da estrada, todos os homens seguiram com Joabe em perseguição a Seba, filho de Bicri (NVI).

CIDADE DE ABEL-BETE-MAACÁSeba é morto pelos cidadãos de Abel-Bete-Maacá

(2Sm 20.14-22) 14Seba atravessou as terras de todas as tribos de Israel e foi parar na cidade de Abel-Bete-Maacá. Todas as pessoas do grupo de famílias de Bicri se reuniram e foram com ele para dentro da cidade (NTLH)15O exército de Joabe veio e cercou Seba em Abel-Bete-Maacá. Eles construíram contra a cidade uma rampa que chegou até à muralha externa. Quando o exército de Joabe estava para derrubar a muralha, 16uma mulher sábia gritou da cidade: “Ouçam! Ouçam! Digam a Joabe que venha aqui para que eu fale com ele” (NVI). 17Quando ele chegou perto, a mulher perguntou: “Você é Joabe?” Ele respondeu: “Eu sou”. Ela lhe disse: “Ouça as palavras desta sua serva”. Joabe respondeu: “Estou ouvindo”. 18Então ela disse: “Antigamente se costumava dizer: ‘Peçam conselho na cidade de Abel’; e assim as questões eram resolvidas (NAA). 19Nós somos pacíficos e fiéis em Israel. Você procura destruir uma cidade que é mãe em Israel. Por que quer arruinar a herança do Senhor Yahweh ?” 20Respondeu Joabe: “Longe de mim uma coisa dessas! Longe de mim arruinar e destruir esta cidade! (NVI) 21A coisa não é assim. Porém um homem da região montanhosa de Efraim, chamado Seba, filho de Bicri, levantou a mão contra o rei, contra Davi. Entreguem-me só este, e eu vou me retirar da cidade”. Então a mulher disse a Joabe: “Eis que a cabeça dele será jogada por cima da muralha para você”. 22Então a mulher, na sua sabedoria, foi falar com todo o povo. E cortaram a cabeça de Seba, filho de Bicri, e a jogaram para Joabe. Então Joabe tocou a trombeta, e eles se retiraram da cidade, cada um para a sua casa. E Joabe voltou a Jerusalém, para junto do rei (NAA).

CIDADE DE JERUSALÉMOs Oficiais de Davi

(2Sm 20.23-26) 23Joabe era o comandante de todo o exército de Israel. Benaia, filho de Joiada, era o comandante da guarda pessoal do rei. 24Adonirão era encarregado daqueles que realizavam trabalhos forçados. Josafá, filho de Ailude, era o historiador do reino (NVT)25Seva era o escrivão. Zadoque e Abiatar eram os Sacerdotes (NAA)26e também Ira, o jairita, era ministro de Davi (ARA).

SALMOS DE DAVIOração pela Paz de Jerusalém

(Sl 122.1-5) 1Alegrei-me quando me disseram: Vamos à Casa do Senhor Yahweh (ARA). 2Nossos pés já se encontram dentro de suas portas, ó Jerusalém! 3Jerusalém está construída como cidade firmemente estabelecida (NVI), 4para onde sobem as tribos, as tribos do Senhor Yah , como convém a Israel, para renderem graças ao nome do Senhor Yahweh . 5Lá estão os tronos de justiça, os tronos da casa de Davi (ARA).

(Sl 122.6-9) 6Orem pela paz de Jerusalém! Que sejam prósperos aqueles que a amam (NAA). 7Que haja paz dentro de seus muros e prosperidade em seus palácios (NVT). 8Por amor dos meus irmãos e amigos, eu peço: “Haja paz em você!” (NAA) 9Por amor da Casa do Senhor Yahweh , nosso Deus Elohym , buscarei o teu bem (ARA).

CENÁRIO HISTÓRICO: Justiça sobre os Gibeonitas (Aproximadamente 987 a.C.) CURIOSIDADES:

  • Davi com 68 anos
  • Mefibosete com 43 anos (Filho de Jonatas e Neto de Saul)
  • 39º ano do Reinado de Davi
  • Salomão com 16 anos

CIDADE DE JERUSALÉM

(2Sm 21.1-6) 1Houve, em dias de Davi, uma fome de três anos consecutivos. Davi consultou ao Senhor Yahweh , e o Senhor Yahweh lhe disse: “Há culpa de sangue sobre Saul e sobre a sua casa, porque ele matou os Gibeonitas” (ARA). 2O rei então mandou chamar os gibeonitas e falou com eles. Os gibeonitas não eram de origem israelita, mas remanescentes dos amorreus. Os israelitas tinham feito com eles um acordo sob juramento; mas Saul, em seu zelo por Israel e Judá, havia tentado exterminá-los. 3Davi perguntou aos gibeonitas: “Que posso fazer por vocês? Como posso reparar o que foi feito, para que abençoem a herança do Senhor Yahweh ?” (NVI) 4Os gibeonitas responderam: “A nossa questão com Saul e com a sua casa não tem nada a ver com prata nem com ouro. Também não pretendemos matar pessoa alguma em Israel”. Então Davi disse: “O que vocês disserem, isso farei por vocês” (NAA). 5Eles responderam: “Saul planejava nos destruir; queria nos impedir de ter um lugar no território de Israel (NVT), 6que nos sejam dados sete homens dos seus descendentes, para que os enforquemos diante do Senhor Yahweh , em Gibeá de Saul, o eleito do Senhor Yahweh “. E o rei disse: “Eu vou dar” (NAA).

CIDADE DE GIBEÁEnforcamento dos Descendentes de Saul

(2Sm 21.7-9) 7O rei poupou Mefibosete, filho de Jônatas e neto de Saul, por causa do juramento feito perante o Senhor Yahweh entre Davi e Jônatas, filho de Saul. 8Mas o rei mandou buscar Armoni e Mefibosete, dois filhos de Rispa, filha de Aiá, que ela teve com Saul, e os cinco filhos de Merabe, filha de Saul, que ela teve com Adriel, filho de Barzilai, de Meolá. 9Davi os entregou nas mãos dos gibeonitas, que os enforcaram no monte, diante do Senhor Yahweh , e os sete morreram ao mesmo tempo. Foram mortos nos dias da colheita, nos primeiros dias, no princípio da colheita da cevada (NVI).

(2Sm 21.10-12) 10Então Rispa, filha de Aiá, estendeu um pano de saco sobre uma rocha e ficou ali todo o período da colheita. Não deixou que as aves de rapina despedaçassem os corpos deles durante o dia e impediu os animais selvagens de os devorarem durante a noite (NVT). 11Contaram a Davi o que Rispa, filha de Aiá e concubina de Saul, havia feito. 12Então Davi foi e tomou os ossos de Saul e os ossos de Jônatas, seu filho, dos moradores de Jabes-Gileade, os quais os furtaram da praça de Bete-Seã, onde os filisteus os tinham pendurado, no dia em que mataram Saul em Gilboa (NAA).

Os Restos Mortais de Saul e seus Descendentes

(2Sm 21.13-14) 13Dali, transportou os ossos de Saul e os ossos de Jônatas, seu filho; e ajuntaram também os ossos dos enforcados (ARA)14Enterraram os ossos de Saul e de Jônatas no túmulo de Quis, pai de Saul, em Zela, na terra de Benjamim, e fizeram tudo o que o rei ordenou. Depois disso, Deus respondeu as orações em favor da terra de Israel (NVI).

CIDADE DE JERUSALÉMSALMOS DE DAVIA Voz de Deus

(Sl 29.1-2) 1Honrem o Senhor Yahweh , seres celestiais, honrem o Senhor Yahweh por sua glória e força (NVT). 2Deem ao Senhor Yahweh a glória devida ao seu nome, adorem o Senhor Yahweh na beleza da sua santidade (NAA).

(Sl 29.3-9) 3Ouve-se a voz do Senhor Yahweh sobre as águas; troveja o Deus El da glória; o Senhor Yahweh está sobre as muitas águas. 4A voz do Senhor Yahweh é poderosa; a voz do Senhor Yahweh é cheia de majestade (ARA). 5A voz do Senhor Yahweh quebra os grandes cedros, o Senhor Yahweh despedaça os cedros do Líbano (NVT). 6Ele faz o Líbano saltar como bezerro, o Siriom como novilho selvagem. 7A voz do Senhor Yahweh corta os céus com raios flamejantes. 8A voz do Senhor Yahweh faz tremer o deserto; o Senhor Yahweh faz tremer o deserto de Cades. 9A voz do Senhor Yahweh retorce os carvalhos e despe as florestas. E no seu Templo todos clamam: “Glória!” (NVI)

(Sl 29.10-11) 10O Senhor Yahweh governa os dilúvios; como rei, o Senhor Yahweh governa para sempre (NAA). 11O Senhor Yahweh dá força ao seu povo; o Senhor Yahweh dá a seu povo a bênção da paz (NVI).

SALMOS DE DAVIAções de Graças pelas Bênçãos

(Sl 65.1-3) 1O louvor te aguarda em Sião, ó Deus Elohym ; os votos que te fizemos serão cumpridos (NVI). 2Ó Senhor que escuta a oração, a ti virão todas as pessoas (NAA). 3Embora sejam muitos os nossos pecados, o Senhor perdoa nossa rebeldia (NVT).

(Sl 65.4-5) 4Como são felizes aqueles que escolhe e traz a ti, para viverem nos teus átrios! Transbordamos de bênçãos da tua Casa, do teu Santo Templo! 5O Senhor nos responde com temíveis feitos de justiça, ó Deus Elohym , nosso Salvador, esperança de todos os confins da terra e dos mais distantes mares (NVI).

(Sl 65.6-8) 6Com a tua força consolida os montes, cingido de poder. 7O Senhor acalma o rugido dos mares, o ruído das suas ondas e o tumulto dos povos (NAA). 8Os que habitam nos confins da terra temem os teus sinais; os que vêm do Oriente e do Ocidente, o Senhor os faz exultar de júbilo (ARA).

(Sl 65.9-13) 9Cuida da terra e a rega; fartamente a enriquece. Os riachos de Deus Elohym transbordam para que nunca falte o trigo, pois assim ordenou (NVI). 10Encharca o solo arado, dissolve os torrões e nivela os sulcos. Amolece a terra com chuvas e abençoa suas plantações (NVT). 11Coroa o ano da tua bondade; as tuas pegadas destilam fartura (ARA). 12Os pastos no deserto ficam verdes, e as encostas dos montes florescem de alegria (NVT). 13Os campos se revestem de rebanhos e os vales se cobrem de trigo; eles exultam e cantam de alegria! (NVI)

REGIÃO DOS FILISTEUSDavi quase é Morto em Batalha

(2Sm 21.15-17) 15Mais uma vez, houve guerra entre os filisteus e Israel. Quando Davi e seus soldados estavam no meio de uma batalha, Davi perdeu as forças e ficou exausto. 16Isbibenobe era descendente de gigantes, e a ponta de sua lança de bronze pesava cerca de três quilos e meio. Ele estava armado com uma espada nova e jurou que ia matar Davi (NVT)17Porém Abisai, filho de Zeruia, socorreu Davi, atacou o filisteu e o matou. Então os homens de Davi lhe juraram, dizendo: “Nunca mais o senhor sairá conosco à batalha, para que a lâmpada de Israel não se apague” (NAA).

Safe, descendente de Gigantes é morto por Sibecai

(2Sm 21.18) 18Depois disso, houve outra batalha contra os filisteus, em Gobe. Enquanto lutavam, Sibecai, de Husate, matou Safe, outro descendente de gigantes (NVT).

(1Cr 20.4) 4Depois disso, houve guerra contra os filisteus em Gezer. Enquanto lutavam, Sibecai, de Husate, matou Safe, um descendente de gigantes, e, desse modo, os filisteus foram subjugados (NVT).

Lami, irmão de Golias é morto por Elanã

(1Cr 20.5) 5Durante outra batalha contra os filisteus, Elanã, filho de Jair, matou Lami, irmão de Golias, de Gate. O cabo da lança de Lami era da grossura de um eixo de tecelão (NVT).

(2Sm 21.19) 19Durante uma batalha em Gobe, Elanã, filho de Jair, de Belém, matou o irmão de Golias, de Gate. O cabo de sua lança era da grossura de um eixo de tecelão (NVT).

Outro Gigante Filisteu é morto pelo Sobrinho de Davi

(1Cr 20.6-7) 6Houve ainda outra batalha em Gate. Ali havia um homem de grande estatura, que tinha vinte e quatro dedos, seis em cada mão e seis em cada pé; também este descendia dos gigantes (NAA)7Mas, quando ele desafiou os israelitas e zombou deles, foi morto por Jônatas, filho de Simeia, irmão de Davi (NVT).

(2Sm 21.20-21) 20Em outra batalha com os filisteus em Gate, havia um homem de grande estatura com seis dedos em cada mão e seis dedos em cada pé, vinte e quatro dedos ao todo, que também era descendente de gigantes (NVT)21Quando ele insultou Israel, Jônatas, filho de Simeia, irmão de Davi, o matou (NAA).

(1Cr 20.8) 8Esses filisteus eram descendentes dos gigantes de Gate, mas Davi e seus guerreiros os mataram (NVT).

(2Sm 21.22) 22Esses quatro filisteus eram descendentes dos gigantes de Gate, mas Davi e seus guerreiros os mataram (NVT).

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Você não pode copiar o conteúdo desta página.