• aguavivabocaina@gmail.com
  • +55 14 98183-8530

Bíblia Cronológica – Versões | Dia 292

292º Dia – 19 de Outubro

O NOVO TESTAMENTO

REGIÃO DA GALILÉIAA Cura de Dois Cegos

(Mt 9.27-31) 27Depois que Jesus saiu dali, dois cegos foram atrás dele, gritando: “Filho de Davi, tenha misericórdia de nós!” (NVT) 28Quando ele entrou em casa, os cegos se aproximaram, e Jesus lhes perguntou: “Vocês creem que eu posso fazer isso?” Eles responderam: “Sim, Senhor!” 29Então Jesus tocou nos olhos deles, dizendo: “Que se faça com vocês conforme a fé que vocês têm” (NAA). 30Então os olhos deles se abriram e puderam ver. Jesus os advertiu severamente: “Não contem a ninguém” (NVT). 31Eles, porém, saíram e espalharam a notícia a respeito de Jesus por toda aquela terra (NAA).

A Cura de um Homem Mudo

(Mt 9.32-34) 32Quando partiram, foi levado a Jesus um homem que não conseguia falar porque estava possuído por um demônio (NVT). 33Quando o demônio foi expulso, o mudo começou a falar. A multidão ficou admirada e disse: “Nunca se viu nada parecido em Israel!” (NVI) 34Os fariseus, contudo, disseram: “Ele expulsa demônios porque o príncipe dos demônios lhe dá poder” (NVT).

Jesus Andava por Toda Parte Fazendo o Bem

(Mt 9.35-38) 35E Jesus percorria todas as cidades e aldeias, ensinando nas sinagogas, pregando o Evangelho do Reino e curando todo tipo de doenças e enfermidades (NAA). 36Ao ver as multidões, teve compaixão delas, porque estavam aflitas e desamparadas, como ovelhas sem pastor (NVI). 37E, então, se dirigiu a seus discípulos: “A seara, na verdade, é grande, mas os trabalhadores são poucos (ARA). 38Por isso, peçam ao Senhor da seara que mande trabalhadores para a sua seara” (NAA).

A Missão dos Doze Apóstolos

(Mt 10.1) 1Tendo Jesus chamado os seus doze discípulos, deu-lhes autoridade sobre espíritos imundos para os expulsar e para curar todo tipo de doenças e enfermidades (NVT).

(Lc 9.1-2) 1Jesus reuniu os Doze e lhes deu poder e autoridade para expulsar todos os demônios e curar enfermidades (NVT). 2Também os enviou a pregar o Reino de Deus e a curar os enfermos (NAA).

(Mc 6.7) 7Chamando os Doze para junto de si, enviou-os de dois em dois e deu-lhes autoridade sobre os espíritos imundos (NVI).

(Mt 10.2-4) 2Estes são os nomes dos doze apóstolos: primeiro, Simão, chamado Pedro, e André, seu irmão; Tiago, filho de Zebedeu, e João, seu irmão; 3Filipe, Bartolomeu, Tomé, Mateus, o cobrador de impostos, Tiago, filho de Alfeu, Tadeu, 4Simão, o zelote, e Judas Iscariotes, que o traiu (NVI).

(Mt 10.5-8) 5Jesus enviou os Doze com as seguintes instruções: “Não vão aos gentios nem aos samaritanos; 6mas, de preferência, procurem as ovelhas perdidas da casa de Israel (NAA). 7Por onde forem, preguem esta mensagem: ‘O Reino dos Céus está próximo’. 8Curem os enfermos, ressuscitem os mortos, purifiquem os leprosos, expulsem os demônios. Vocês receberam de graça; deem também de graça” (NVI).

(Mc 6.8-9) 8Instruiu-os a não levar coisa alguma na viagem, exceto um cajado. Não poderiam levar alimento, nem bolsa de viagem, nem dinheiro. 9Poderiam calçar sandálias, mas não levar uma muda de roupa extra (NVT).

(Lc 9.3) 3E disse-lhes: “Não levem nada para o caminho: nem bordão, nem sacola, nem pão, nem dinheiro; vocês também não devem ter duas túnicas” (NAA).

(Mt 10.9-10) 9“Não levem nem ouro, nem prata, nem cobre em seus cintos; 10não levem nenhum saco de viagem, nem túnica extra, nem sandálias, nem bordão; pois o trabalhador é digno do seu sustento” (NVI).

(Mt 10.11) 11“Sempre que entrarem em uma cidade ou povoado, procurem uma pessoa digna e fiquem em sua casa até partirem” (NVT).

(Mc 6.10) 10E recomendou-lhes: “Quando vocês entrarem numa casa, fiquem ali até saírem daquele lugar” (NAA).

(Lc 9.4) 4“Aonde quer que forem, hospedem-se na mesma casa até partirem da cidade” (NVT).

(Mt 10.12-13) 12“Quando entrarem na casa, saúdem-na com a paz (NVT). 13Se a casa for digna, que a paz de vocês repouse sobre ela; se não for, que a paz retorne para vocês” (NVI).

(Mc 6.11) 11“Se em algum lugar não quiserem recebê-los nem ouvi-los, ao saírem dali sacudam o pó dos pés, em testemunho contra eles (NAA).

(Mt 10.14) 14 “Se alguém não os receber nem ouvir suas palavras, sacudam a poeira dos pés, quando saírem daquela casa ou cidade (NVI).

(Lc 9.5) 5“E onde quer que não receberem vocês, ao saírem daquela cidade sacudam o pó dos pés em testemunho contra eles (NAA).

(Mt 10.15) 15“Eu lhes digo a verdade: ‘No dia do juízo haverá menor rigor para Sodoma e Gomorra do que para aquela cidade’” (NVI).

(Mt 10.16-18) 16“Eis que eu os envio como ovelhas para o meio de lobos. Portanto, sejam prudentes como as serpentes e simples como as pombas (NAA). 17Tenham cuidado com os homens, porque eles os entregarão aos tribunais e os açoitarão nas suas sinagogas (NAA). 18Por minha causa serão julgados diante de governantes e reis, mas essa será a oportunidade de falar a meu respeito a eles e aos gentios” (NVT).

(Mt 10.19-20) 19E, quando entregarem vocês, não se preocupem quanto a como ou o que irão falar, porque, naquela hora, lhes será concedido o que vocês dirão. 20Afinal, não são vocês que estão falando, mas o Espírito do Pai de vocês é quem fala por meio de vocês” (NAA).

(Mt 10.21) 21Um irmão entregará à morte outro irmão, e o pai entregará o filho. Haverá filhos que se levantarão contra os seus pais e os matarão” (NAA).

(Mt 10.22-23) 22Todos odiarão vocês por causa do meu nome; aquele, porém, que ficar firme até o fim, esse será salvo” (NAA). 23Quando forem perseguidos numa cidade, fujam para outra. Eu lhes digo a verdade: ‘O Filho do Homem voltará antes que tenham percorrido todas as cidades de Israel’” (NVT).

(Mt 10.24-25) 24O discípulo não está acima do seu mestre, nem o servo está acima do seu senhor (NAA). 25Basta ao discípulo ser como o seu mestre, e ao servo, como o seu senhor. Se o dono da casa foi chamado Belzebu, quanto mais os membros da sua família!” (NVI)

(Mt 10.26-27) 26Portanto, não tenham medo deles. Pois não há nada encoberto que não venha a ser revelado, nem oculto que não venha a ser conhecido. 27O que lhes digo às escuras, repitam a plena luz; e o que é dito para vocês ao pé do ouvido, proclamem dos telhados” (NAA).

(Mt 10.28-31) 28Não temam os que matam o corpo, mas não podem matar a alma; pelo contrário, temam aquele que pode fazer perecer no inferno tanto a alma como o corpo. 29Não se vendem dois pardais por uma moedinha? Entretanto, nenhum deles cairá no chão sem o consentimento do Pai de vocês. 30E, quanto a vocês, até os cabelos da cabeça de vocês estão todos contados (NAA). 31Portanto, não tenham medo; vocês valem mais do que muitos pardais!” (NVI)

(Mt 10.32-33) 32“Quem, pois, me confessar diante dos homens, eu também o confessarei diante do meu Pai que está nos céus. 33Mas aquele que me negar diante dos homens, eu também o negarei diante do meu Pai que está nos céus” (NVI).

(Mt 10.34-36) 34Não pensem que eu vim trazer paz à terra; não vim trazer paz, mas espada. 35Pois vim causar divisão entre o homem e o seu pai; entre a filha e a sua mãe e entre a nora e a sua sogra. 36Assim, os inimigos de uma pessoa serão os da sua própria casa” (NAA).

(Mt 10.37-39) 37Quem ama seu pai ou sua mãe mais do que a mim não é digno de mim; quem ama seu filho ou sua filha mais do que a mim não é digno de mim; 38e quem não toma a sua cruz e não me segue, não é digno de mim. 39Quem acha a sua vida a perderá, e quem perde a sua vida por minha causa a encontrará” (NVI).

(Mt 10.40-42) 40Quem recebe vocês, recebe a mim; e quem me recebe, recebe aquele que me enviou (NVI). 41Quem recebe um profeta na qualidade de profeta, receberá uma recompensa de profeta. E quem recebe um justo na qualidade de justo, receberá uma recompensa de justo (BJ). 42E quem der de beber, ainda que seja um copo de água fria, a um destes pequeninos, por ser este meu discípulo, em verdade lhes digo que de modo nenhum perderá a sua recompensa” (NAA).

(Mt 11.1) 1Quando Jesus terminou de dar essas instruções a seus doze discípulos, saiu para ensinar e anunciar sua mensagem nas cidades da região (NVT).

(Lc 9.6) 6Então, saindo, percorriam todas as aldeias, anunciando o Evangelho e fazendo curas por toda parte (NAA).

(Mc 6.12-13) 12Então eles partiram, dizendo a todos que encontravam que se arrependessem. 13Expulsaram muitos demônios e curaram muitos enfermos, ungindo-os com óleo (NVT).

O Rei Herodes e João Batista

(Mt 14.1) 1Por aquele tempo, ouviu o tetrarca Herodes a fama de Jesus (ARA).

(Lc 9.7-8) 7Ora, o tetrarca Herodes soube de tudo o que se passava e ficou perplexo, porque alguns diziam: “João ressuscitou dentre os mortos” (NAA). 8Outros acreditavam que Jesus era Elias, ou um dos antigos profetas que tinha voltado à vida (NVT).

(Mc 6.14-15) 14Logo o rei Herodes ouviu falar de Jesus, pois todos comentavam a seu respeito. Alguns diziam: “João Batista ressuscitou dos mortos. Por isso tem poder para fazer esses milagres” (NVT). 15Outros diziam: “É Elias”. Ainda outros diziam: “É profeta como um dos antigos profetas” (NAA).

(Lc 9.9) 9Herodes, porém, disse: “Eu mandei decapitar João. Quem, então, é este a respeito do qual tenho ouvido tais coisas? E se esforçava para vê-lo (NAA).

(Mt 14.2) 2disse a seus conselheiros: “Deve ser João Batista que ressuscitou dos mortos! Por isso ele tem poder para fazer esses milagres” (NVT).

(Mc 6.16) 16Herodes, porém, ouvindo isto, disse: “É João, a quem eu mandei decapitar, que ressuscitou” (NAA).

A História da Morte de João Batista

(Mt 14.3-4) 3Porque Herodes, havendo prendido João, o amarrou e pôs na prisão, por causa de Herodias, mulher do seu irmão Filipe (NAA). 4João tinha dito repetidamente a Herodes: “É contra a Lei que o senhor viva com ela” (NVT).

(Mc 6.17-18) 17Porque o próprio Herodes havia mandado prender João e amarrá-lo na prisão, por causa de Herodias, mulher do seu irmão Filipe, com a qual Herodes havia casado (NAA). 18Porquanto João dizia a Herodes: “Não te é permitido viver com a mulher do teu irmão” (NVI).

(Mc 6.19-20) 19Assim, Herodias o odiava e queria matá-lo. Mas não podia fazê-lo (NVI), 20porque Herodes temia João, sabendo que era homem justo e santo, e o mantinha em segurança. E, quando o ouvia, ficava perplexo, embora gostasse de escutá-lo (NVT).

(Mt 14.5) 5Embora Herodes quisesse matá-lo, tinha medo do povo, porque consideravam João como profeta (NAA).

(Mc 6.21) 21Finalmente, no aniversário de Herodes, Herodias teve a oportunidade que procurava. Ele deu uma festa para os membros do alto escalão do governo, para seus oficiais militares e para os cidadãos mais importantes da Galiléia (NVT).

(Mt 14.6) 6Mas, quando chegou o dia do aniversário de Herodes, a filha de Herodias dançou diante de todos e agradou a Herodes (NAA).

(Mc 6.22-23) 22Durante o banquete a filha de Herodias entrou no salão e dançou. Herodes e os seus convidados gostaram muito da dança. Então o rei disse à moça: “Peça o que quiser, e eu lhe darei” (NTLH). 23E fez este juramento: “O que você me pedir eu lhe darei, mesmo que seja a metade do meu reino” (NAA).

(Mt 14.7) 7Este prometeu, com juramento, dar-lhe o que ela pedisse (NAA).

(Mc 6.24-25) 24Ela saiu e foi perguntar à mãe: “O que pedirei?” A mãe respondeu: “A cabeça de João Batista”. 25No mesmo instante, voltando apressadamente para junto do rei, disse: “Quero que, sem demora, o senhor me dê num prato a cabeça de João Batista” (NAA).

(Mt 14.8) 8Influenciada por sua mãe, ela disse: “Dá-me aqui, num prato, a cabeça de João Batista” (NVI).

(Mc 6.26) 26O rei ficou muito triste, mas, por causa do juramento e dos que estavam com ele à mesa, não quis negar o pedido da jovem (NAA).

(Mt 14.9) 9O rei ficou aflito, mas, por causa dos juramento e dos convidados, ordenou que lhe fosse dado o que ela pedia (NVI)

(Mt 14.10-11)10Assim, deu ordens para que João fosse decapitado na prisão. 11A cabeça foi trazida num prato e dada à jovem, que a levou à sua mãe (NAA).

(Mc 6.27-28) 27E, enviando logo o executor, mandou que lhe trouxessem a cabeça de João. Ele foi e o decapitou na prisão, 28e, trazendo a cabeça num prato, a entregou à jovem, e esta, por sua vez, a entregou à sua mãe (NAA).

(Mc 6.29) 29Quando os discípulos de João souberam o que havia acontecido, foram buscar o corpo e o colocaram numa sepultura (NVT).

(Mt 14.12) 12Então vieram os discípulos de João, levaram o corpo e o sepultaram; depois, foram e anunciaram isso a Jesus (NAA).

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Você não pode copiar o conteúdo desta página.